Os casais inesquecíveis do cinema mudo



Por Rafaella Britto –



Diversas parcerias marcaram os anos iniciais da história do cinema, encantando o mundo com histórias repletas de romance e fantasia. O Império Retrô relembra os mais famosos casais da era muda de Hollywood.




7 – CLARA BOW E BUDDY ROGERS

(Foto: Reprodução)

As audiências do idos de 1920 não resistiram ao charme do casal formado pela eterna ‘it girl’ e o ‘namoradinho da América’. Clara Bow e Charles ‘Buddy’ Rogers foram par romântico em duas produções de sucesso de 1927: a comédia Get Your Man, hoje parcialmente perdida, e o lendário Wings, o primeiro filme vencedor do Oscar.



6 – JANET GAYNOR E CHARLES FARRELL

(Foto: Reprodução)

Janet Gaynor e Charles Farrell dividiram a cena em 12 filmes. A colaboração de oito anos se iniciou no cinema mudo com o O Sétimo Céu (1927), filme que tornou Gaynor a primeira vencedora do Oscar de Melhor Atriz. A dupla viu seu prestígio declinar na década de 1930, com o advento do cinema falado.



5 – HAROLD LLOYD E MILDRED DAVIS

(Foto: Reprodução)

Um dos principais comediantes da era muda, Harold Lloyd teve em sua esposa Mildred Davis a parceira ideal para suas produções. Com humor e candura, o casal eternizou-se em comédias românticas como Um Marinheiro Feito Homem (1921) e O Homem Mosca (1923).



4 – DOUGLAS FAIRBANKS E MARY PICKFORD

(Foto: Reprodução)

O amor entre o herói dos filmes de capa-e-espada e a namoradinha da América alimentou os sonhos das gerações dos primeiros anos do século 20: Douglas Fairbanks e Mary Pickford foram os idealizadores de importantes instituições do cinema americano (entre elas, o Oscar), sendo também conhecidos como os fundadores de Hollywood. Já no cinema falado, contracenaram na comédia A Megera Domada (1929).



3 – RODOLFO VALENTINO E GLORIA SWANSON

(Foto: Reprodução)

Rodolfo Valentino e Gloria Swanson atuaram juntos em apenas um filme: o drama romântico Beyond the Rocks (1922), de Sam Wood. A paixão e o magnetismo emanados das duas maiores estrelas do cinema mudo fez deste um dos grandes sucessos de bilheteria da época.



2 – CHARLIE CHAPLIN E EDNA PURVIANCE


(Foto: Reprodução)

Edna Purviance foi o primeiro grande amor da vida de Charlie Chaplin. Ao longo de oito anos, a atriz estrelou mais de 30 produções do diretor e comediante, entre elas, O Vagabundo (1915), O Imigrante (1917) e O Garoto (1921).



1 – GRETA GARBO E JOHN GILBERT

(Foto: Reprodução)


A paixão entre a misteriosa Greta Garbo e o galã John Gilbert atingiu popularidade com as cenas eróticas de A Carne e o Diabo (1926). O casal protagonizou produções como Love (1927) e Mulher de Brio (1928), e reapareceu no cinema falado em 1933, com Rainha Cristina





Acompanhe o Império Retrô nas redes sociais:

Império Retrô

Criado em 2010 por Rafaella Britto, o blog Império Retrô aborda a influência do passado sobre o presente, explorando os diálogos entre moda, arte e comportamento.

Nenhum comentário:

Postar um comentário