Leite e cenoura crua: a dieta de Marilyn Monroe



Por Rafaella Britto –


Em entrevista concedida em 1952 à revista Pageant, Marilyn Monroe revelou os segredos de sua dieta, baseada na prática de exercícios físicos e na tradicional alimentação básica e nutritiva. Confira.


(Foto: Pageant Magazine/Into the Gloss)

Como manter a forma

“Sinceramente, nunca considerei minha figura tão excepcional; até recentemente, eu raramente pensava nisso. Minha única grande preocupação era comer o suficiente. Agora eu preciso me preocupar em comer muito. Eu não me incomodava com exercícios. Agora toma manhã eu passo pelo menos 10 minutos malhando com pesinhos. Desenvolvi meus próprios exercícios para os músculos que eu quero manter firmes, e agora sei que eles estão ótimos porque posso senti-los pulsando enquanto me exercito.”

(Foto: Pageant Magazine/Into the Gloss)


Exercícios

“Toda manhã, depois de escovar os dentes, lavar o rosto e me sacudir para espantar o sono, eu me deito no chão perto da cama e começo meu primeiro exercício. É uma rotina simples de fortalecimento do busto, que consiste em levantar peso. Faço isso 15 vezes, devagar. Eu repito o exercício outras 15 vezes com os braços acima da minha cabeça. Então, com os braços a um ângulo de 45 graus do chão, movo meus pesos em círculo até me cansar. Eu não conto de maneira ritmada como as pessoas do rádio; eu não suportaria fazer exercícios se eu tivesse que seguir uma disciplina para isso."

(Foto: Pageant Magazine/Into the Gloss)


Esportes

“Eu nunca me interessei por esportes ao ar livre, e não tenho nenhum interesse em me notabilizar no tênis, natação ou golfe. Eu deixo essas coisas para os homens. Apesar de ser estar em voga na Califórnia, não acho que uma pele bronzeada seja mais atraente que uma pele branca, ou mesmo mais saudável, por assim dizer. Eu mesma evito um bronzeado muito forte, pois sou muito loira.

Eu tenho uma disposição langorosa por natureza. Não gosto de fazer as coisas com pressa, numa atmosfera tensa, e para mim é realmente impossível sair da cama de manhã. No domingo, que é o meu dia de total lazer, às vezes eu levo duas horas para acordar, me deleitando em cada momento do sono. Dependendo das minhas atividades, eu durmo de cinco a dez horas toda noite. Eu durmo em uma cama de solteiro extra-grande, e me cubro com só um edredom de plumas, no verão e no inverno. Nunca fui capaz de usar pijamas ou camisolas; essas roupas de dormir perturbam meu sono.”

(Foto: Pageant Magazine/Into the Gloss)


Hábitos de alimentação

“Eu sempre disse que meus hábitos de alimentação são bizarros, mas acho que não tanto assim. Antes de tomar meu banho matinal, eu tomo um copo de leite quente. Quando está calor, eu quebro dois ovos crus no leite e bebo enquanto estou me vestindo. Eu suplemento isso com uma pílula multi-vitamínica, e duvido que qualquer outro médico pudesse recomendar um café da manhã mais nutritivo para uma menina que trabalha e está com pressa. Minhas jantas em casa são assustadoramente simples. Toda noite eu vou ao mercado perto do meu hotel e compro um bife, costeletas de cordeiro ou algum fígado, e asso no forno elétrico do meu quarto. Eu normalmente como quatro ou cinco cenouras cruas com carne, e isso é tudo. Eu devo ser um pouco coelho; adoro cenouras cruas.

P.S. Acho bom que eu coma de maneira simples durante o dia, porque nos últimos meses tenho desenvolvido o hábito de parar na sorveteria de Wil Wright para um sundae, no caminho de volta para casa depois das minhas aulas de atuação, à noite. Tenho certeza de que eu não poderia me permitir esse prazer se minha dieta normal não fosse composta quase totalmente por alimentos proteicos.”


- Entrevista digitalizada por Lacey Gattis e disponibilizada no site Into the Gloss. Tradução de Rafaella Britto.






Acompanhe o Império Retrô nas redes sociais:

Império Retrô

Criado em 2010 por Rafaella Britto, o blog Império Retrô aborda a influência do passado sobre o presente, explorando os diálogos entre moda, arte e comportamento.

Nenhum comentário:

Postar um comentário